3 de jan de 2012

A vida de um Kitkat

Recentemente descobri a existência do Kitkat e posso descrevê-lo como a 9ª maravilha do universo. Apesar de eu só ter conhecido agora, o Kitkat já existe desde 1935 e devido à sua gostosura esteve presente em períodos em que um chocolate cairia muito bem, como a 2ª guerra mundial. Afinal, depois de comer um kitkat as chances de vencer a guerra sobem dramaticamente. rsrs Já diria o slogan deles na época "O que as pessoas ativam precisam".
O meu conceito desse chocolate é um bis evoluído, tipo pokemon, saca? São 4  pedaços grudados de biscoitos crocantes cobertos com chocolate. O chocolate é mais gostoso que o bis, o biscoito é mais gentil na sua boca e ele vem 4 pedaços. No bis você nunca consegue comer um só, na verdade quando a gente vê já foi o pacote inteiro e depois fica se sentindo gorda e com sentimento de culpa.
O Kitkat sobreviveu a escassez de leite em 1945. Nossa, chocolate com pouco leite! É como se ele tivesse sobrevivido a uma bomba nuclear. O kitkat é praticamente uma barata! rsrs Tá fiquei sem vontade de comê-lo depois dessa associação infeliz, mas é só olhar a foto da delícia que tudo passar e a água na boca volta. =)


De onde veio o nome desse chocolate é um dos mistério da vida, universo e tudo mais, mas corre por aí que que foi devido a um famoso clube existente em Berlin, lá em 1920, chamado KitKat Club. Como esse chocolate me fascina eu resolvi dar uma Sherlock Holmes pesquisar a ligação entre os dois. O que a Srª Wikipedia me disse a respeito desse club é que foi criado por um pornográfico cineasta. Logo, era um cabaré onde tocava muita música e rolava... coisas pornográficas, se é que você me entende.
Depois de mais uma associação infeliz aposento minha lupa de investigação e me dirijo à esquina me aproximando da falência, pois o danado é gostoso, mas é caro! 


Beijocas da Samy =)

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...