6 de abr de 2015

O dia que eu queria mudar o layout do blog


Este vídeo está classificado como diário de uma editora amadora por que basicamente tem a tentativa de eu editar um template e teve coisas técnicas como html e widget, mas na verdade é um bate papo contando a minha desventura bloguística.

Estava eu marotamente vendo as postagens do blog para escrever o resumão de março quando chego numa página que não tem a opção de ver as postagens mais antigas. Mas TEM sim postagens antigas a serem vistas.  

Coço a cabeça (que é quase a mesma coisa de ligar o interruptor de ideias) e resolvo pesquisar alguma solução no oráculo Google. Faz tempo que não mexo em html e depois de uma rápida pesquisa descubro que a melhor solução seria trocar o template. Faço um minuto de silêncio pelo layout antigo (que não tem muito tempo de vida e que me satisfaz bastante) e vou na busca de novos templates. Quais meus critérios? 2 colunas, minimalista, responsivo e se possível com frescuras legais. Resolvo dar uma olhada em templates de 1 coluna, mas chego a conclusão de que ainda não estou pronta para eles.

Escolher template é coisa de feeling. Ele tem representar um pouco a minha personalidade e tem que ser confortável de ver meu conteúdo ali. Pura viagem completamente subjetiva da minha mente. Apesar de muitas vezes ter dificuldade de escolher (qualquer coisa!) eu fui eliminando facilmente e cheguei a um template como eu gostaria. Minimalista, com um leve toque de cor e firulas apaixonantes. 

Volto ao meu blog e descubro que não há nada de errado com a navegação nos posts antigos, mas a vontade de novo já me domina e eu já não sei se o template atual ainda me satisfaz completamente.

I get smashed (expressão nova que aprendi, que basicamente é enfiar o pé na jaca em inglês) e resolvo que vou mudar o layout mesmo assim. O layout escolhido só precisava de leves alterações e se eu conseguisse realizá-las eu bateria o martelo e daria uma festa de despedida para o modelo antigo.

Vale mencionar que eu tenho um blog de teste. Toda vez que quero mudar alguma coisa, principalmente o layout, eu testo para ver como ficaria no blog de teste e, se ficar tudo ok, transporto para aqui. Assim, subo o template e vou vasculhando preguiçosamente o html para ver se consigo mudar algumas coisas. Descubro que tem algumas coisas que tem demonstração do template que não tenho de fato ao instalá-lo (ou pelo menos não consegui descobrir como ativar). A verdade é que estava sem saco para ficar fazendo testes em linhas e mais linhas de html, então resolvo questões cruciais e decido que vou deixar o resto passar. Só falta uma coisa: ajustar os widgets.

Parece simples, parece rápido, até anunciei no dailyvlog que teriamos layout novo, mas toda vez que apagava os widgets que não queria e organizava tudo, cinco minutos depois o layout automaticamente recriava os widgets padrões muito loucos. Depois de eu organizar tudo pela terceira vez e ele voltar ao modo cacaquinha eu jogo a toalha. 

E foi assim que não tivemos layout novo em abril. Quiser dar uma mãozinha para me ajudar é só mandar uma mensagem aqui ou no email, rede sociais ou sinal de fumaça. Mas por enquanto, continuamos com a mesma carinha quadrada.

Este post tinha acabado assim quando o redigi no dia 30/03/15, mas um dia depois eu resolvi colocar a preguiça de lado e fuçar o html direitinho e deu neste novíssimo template, minimalista com um toque de cor e firulas (você já viu o que acontece quando você passa o mouse na imagem do post ou já deu uma olhada nas categorias na barra lateral?). Ainda gostaria de mudar algumas coisas, mas no geral estou satisfeita com o resultado.

Assim, só tenho uma coisa a declarar para finalizar este post. EU VENCI! MUAHAHAHAHAHA *risada maligna*

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...